Últimas Notícias

Sociedade Militar

Revista sociedade militar. Militares, direitos, política e geopolítica. Direita, esquerda e esclarecimento.
  •       Querem a cabeça do General Enzo. Seria ele tão frágil assim?    Semana passada alguns jornais, físicos e online, fizeram o maior escarcéu em torno da divulgação de uma ordem por escrito do Comandante Enzo. No documento ele determinava que todas as respostas à questões sobre o regime militar deveriam ser respondidas pelo Gabinete do Comandante do Exército. Qualquer pessoa com pelo menos dois neurônios pode perceber claramente que todos os militares de uma instituição como o exército, com a credibilidade que possui diante da opinião pública, têm que falar a “mesma língua”. A ordem de Enzo na verdade foi redundante, pois já é praxe que comandantes de unidade informem ao Comando do Exército quando há questionamentos que podem repercutir nacionalmente, como é o caso. Pois é, como se não bastasse os artigos em si, sem embasamento e importância alguma, o site 247 ainda tenta fazer crescer o negócio. O jornal online divulgou hoje que um grupo pede a demissão de Enzo e teria feito um abaixo assinado que conta com o estupefaciente número de 30 pessoas. O texto endossado por essas trinta pessoas afirma que o militar, que proibiu subordinados de dar informações sobre crimes nas dependências da corporação no período, “zomba do ordenamento jurídico e da luta por memória, verdade e justiça”. O 247 afirma que houve a adesão de "entidades como o grupo Tortura Nunca Mais", mas não cita o nome das outras supostas entidades que teriam também pedido a demissão do Comandante do Exército. Parece mais um abaixo assinado do naipe daquele que 300 intelectuais petistas assinaram contra Joaquim Barbosa. Se abaixos assinados e petições online valessem alguma coisa ja teriam cassado a medalha de José Genoíno. Uma petição na avaaz pede ao mesmo General Enzo que inicie a cassação da Medalha do Pacificador de José Genoino. Ela foi assinada por mais de 700 pessoas, muito mais do que a multidão de 30 insatisfeitos citados pelo site 247. Veja: Miriam leitão diz que militares de hoje apoiam tortura. http://sociedademilitar.com.br    

  •   Façam suas APOSTAS.   Um dos primeiros assuntos estudados por aqueles que se iniciam nas bolsas de valores é o volume financeiro.  Se uma ação começa a subir com pouco volume financeiro, os mais cautelosos esperam outras confirmações antes de se posicionarem.   Um exemplo didático:   Um canal de notícias econômicas importante solta a notícia de que a empresa X deverá apresentar um balanço ruim do último exercício.   Ao mesmo tempo as ações dessa empresa estão subindo consistentemente com um volume financeiro elevado.   Um investidor experiente vai usar qual informação para o seu posicionamento?   A informação do dinheiro!!    Ninguém brinca com dinheiro!!   Se estão botando dinheiro lá, é porque é lá que está a informação. Onde há fumaça, há fogo...   Por anos a legislação brasileira só permitiu a exploração de jogos de azar e qualquer outro tipo de apostas à Caixa Econômica Federal, mas com a popularização da internet, hoje é possível perder dinheiro de outras formas.   Apostas esportivas e de qualquer outro tipo de evento são muito populares na Inglaterra e em outros países do mundo e oferecem maneiras de perder dinheiro bem mais divertidas dos que as oferecidas pela Caixa aqui no Brasil.   Essas apostas geralmente são feitas pelas "casas de apostas" e pra quem gosta de futebol mas não sabe do tamanho das casas de apostas, é só lembrar que no peito de muitas estrelas como Cristiano Ronaldo é comum ver escrito "Bwin".   Bwin é uma grande casa de apostas e existem várias outras como a "Sportingbet", "bet365" e etc.   Dá pra imaginar que essas grandes casas de apostas ganham muito dinheiro, já que patrocinam os maiores times de futebol do mundo.   O procedimento de apostas é bem simples.   Aleatoriamente abri um site de uma dessas casas e este foi o primeiro jogo que vi:   (Figueirense 2.75) - (Empate 3.15) - (São Paulo 2.50)   Os números representam o valor que você receberá de volta para cada 1 apostado.   (uma dica, se as casas de apostas são tão ricas, é porque as pessoas perdem mais dinheiro do que ganham)   Enfim!   A Unibet (br.unibet.com) foi a primeira casa de apostas a disponibilizar apostas para o próximo presidente do Brasil e próximo governador de São Paulo.   A casa paga R$ 4,00 para cada R$ 1,00 apostado na vitória da Dilma. (300% de lucro)   E paga R$ 1,25 para cada R$ 1,00 apostado na sua derrota. (25% de lucro)   A equipe de analistas de uma casa de apostas não é formada por deuses ou magos, mas eles são especialistas no que fazem e analisam cada detalhe de cada evento...   A pesquisa do IBOPE pode até dizer que Dilma ganha...  O dinheiro diz que perde...   Façam suas apostas!   Viícius Feliciano. Em http://sociedademilitar.com.br     

  • Atenção, PT com medo de que Marina vença já no primeiro turno. Sites esquerdistas sutilmente orientam possível eleitor, que não quer mais Dilma no governo, a votar em Aécio. Fato inusitado ocorreu hoje (31/08). O jornal online 247, que tem publicado ao longo dos últimos dias notícias que favorecem os candidatos do PT, publicou artigo do jornalista Merval Pereira que, a princípio poderia ser visto como um paradoxo ao ser exibido no 247, ao lado e abaixo de propaganda estatal.  O trecho do artigo que foi publicado inicialmente em O Globo, defende explicitamente o que chama de “voto útil em Aécio Neves”. Veja o artigo. “247 - Em sua coluna deste domingo no jornal O Globo, Merval Pereira defende o voto útil em Aécio Neves (PSDB), mas não para que o candidato tucano seja eleito presidente, e sim para garantir um segundo turno nas eleições. Colunista diz que o voto útil em Marina Silva, do PSB, para garanti-la no segundo turno ou força uma derrota do PT já no primeiro, "pode ser um tiro no pé nos eleitores que temem Marina presidente mas não querem Dilma reeleita". A sugestão de Merval Pereira é a de "fortalecer a votação do terceiro colocado", a fim de "impor uma negociação política que demarcará um provável governo Marina", ou seja, garantir espaço para o PSDB em um eventual governo Marina.” (http://www.brasil247.com/pt/247/midiatech/151883/Merval-prega-voto-%C3%BAtil-em-A%C3%A9cio-em-prol-de-2%C2%BA-turno.htm) É realmente de desconfiar uma “orientação” dessa monta em um site como o 247. VEJA TAMBÉM: Marina ou Aécio. O que a direita pode fazer???   http://sociedademilitar.com.br    

  • Atenção. Questões importantes. Qual a opção da DIREITA, Marina ou Aécio? Na falta do candidato ideal qual é o alvo?    Vivemos um reinado de mais de uma década de PT, este conseguiu hegemonia no STF e em outras instituições importantes. Após, tardiamente, despertar para o que estava ocorrendo, a sociedade esclarecida brasileira, seja de direita, centro-direita, centro, conservadora ou simplesmente “não-esquerda”, resolveu se organizar. Fizeram isso praticamente sem investimento e inicialmente com o esforço de alguns poucos que ousaram receber o estigma de politicamente incorretos. Isso tudo aconteceu ao longo de pouco mais de dois anos, observa-se isso pela “idade” da maioria das comunidades de direita nas redes sociais. Um grande exemplo disso é a comunidade Pesadelo de Qualquer político. Com pouco mais de um ano de Facebook a rede possui mais de 200 mil pessoas em suas duas fanpages. Um número de pessoas que não se pode ignorar de forma alguma. Por sua importância nessa batalha política a página ja foi até atacada por militantes de esquerda.    A princípio procurou-se um candidato que representasse uma oposição verdadeira, a carência é tamanha que chegou-se a pensar no General Heleno, que ousou desafiar Lula enquanto estava na ativa, mas Heleno disse que militares e política não se misturam. Alguns cogitaram então Bolsonaro, mas o político foi impedido pelo próprio partido, que permanece apoiando Dilma Roussef. Outro sonho, Katia Abreu, faleceu do mesmo mau que Bolsonaro. Sem alternativas, optou-se então em concentrar todas as forças para que Dilma não fosse re-eleita e em colocar o máximo de representantes fieis à causa no legislativo, tanto federal como estadual. A sociedade agora anti-pt, não se agrupou em nenhum tipo de associação formal, portanto, não existe possibilidade de arrecadação de recursos financeiros. Intensificou-se as ações na redes sociais, a principio poder-se-ia dizer que eram apenas redes de indignação, mas com o tempo o conteúdo foi se aprimorando e hoje podemos dizer que possuímos alguns “locais” estratégicos. Normalmente são “sítios de discussão”, como Blog de Reinaldo Azevedo da Veja, site Mídia Sem Máscara, de Olavo de Carvalho, site Revista Sociedade Militar, site Mises.org, rede libertar, site de Julio Severo, página do Pesadelo dos Políticos etc.  Hoje pode-se definitivamente dizer que a direita conquistou a internet, com conteúdo infinitamente mais coerente e embasado do que o produzido pelos adversário ideológicos. Compartilhar! No mundo físico compartilhar significa dividir alguma coisa, tem um “que” de bondade, filantropia, amor... Nas redes sociais a coisa ultrapassa isso, compartilhar significa que você concorda, apóia e assina embaixo. E o mais importante disso tudo, compartilhar significa que você acredita que a idéia deve ser também endossada por todos aqueles que fazem parte de sua rede de amigos. Estima-se que cada pessoa tenha em média (*) 200 amigos no facebook, um número incrivelmente alto e que faz com que qualquer assunto realmente relevante rapidamente alcance centenas de milhares de pessoas.  * http://pucposcom-rj.com.br/wp-content/uploads/2012/12/7-Luciana-de-Alcantara-Roxo.pdf Veja esse exemplo. Uma postagem realizada na Revista Sociedade Militar, ainda em 2012, cujo título era “CAMPANHA NACIONAL Pró-Brasil 2014 - Sem PT o Brasil é bem melhor”, foi compartilhada por 75 mil pessoas no facebook e retuitado 1900 vezes. O número de pessoas que compartilhou obviamente já é alto, mas o fato se agiganta quando multiplicamos isso pelo número médio de amigos na rede. Veja só: 75.000 x 200 = 15.000.000 . Isso significa que a idéia alcançou 15 milhões de pessoas. Sem contar os milhares que receberam os twitters. Por mais que a mídia tradicional hesite em divulgar isso, a massiva divulgação de artigos como o citado acima tem sido preponderante para o fracasso do PT, amplamente demonstrado pelos institutos de pesquisa. Na verdade a sociedade mobilizada nas redes sociais, postando e compartilhando notícias e opiniões realmente relevantes, fazendo muito mais do que conversar trivialidades, é o que tem definido o curso dos acontecimentos.  O acidente com o avião de Eduardo Campos apenas adiantou o que já se esperava que acontecesse, que Dilma fosse para o segundo turno e depois disso, derrotada.  Independente do que as pesquisas digam, aqueles que apóiam Aécio Neves, que continuem fazendo. Aqueles que apóiam Marina, que também o façam. Porém, sempre com o cuidado de em discussões acaloradas não afastarmos indecisos ou mesmo levar as pessoas que desistiram de votar no PT a regredirem ao seu estado inicial. Sabemos muito bem que nesse pleito não temos o candidato ideal, por isso o mais importante é que permaneçamos focados em nossa idéia inicial, que é retirar o PT do Planalto Central. Conseguindo isso, será uma significativa batalha ganha nessa grande guerra para restaurar o nosso país e colocá-lo de novo em caminho direito. Não podemos esquecer que o Legislativo deve ser povoado com nossos candidatos, certamente conseguiremos resultados significativos nesse campo, e isso será nosso alicerce para um futuro promissor. A partir de 2014 ninguém mais poderá ignorar a força que possui uma sociedade inteligente e hábil no uso das ferramentas que a tecnologia tem proporcionado.  Robson A.D. Silva – Escreve para Revista Sociedade Militar. Atenção. Os artigos aqui publicados são de inteira responsabilidade de seus autores e não necessariamente refletem a posição da revista online. http://sociedademilitar.com.br         

  • Entrevistas realizadas ONLINE com candidatos a Deputado Federal e Deputado Estadual/ Distrital. Candidatos do Rio de Janeito. Candidatos do Distrito Federal. Candidatos de São Paulo.  

Últimos comentários

  • Militares aguardam anúncio de reajuste.

    29.08.2012 18:59
    Se for 45% de uma só vez , tudo bem,se for em 3 anos ficaremos na mesma miséria,a inflação é a maldição. :lol:

    Leia mais ...

     
  • Dezoito categorias aceitaram as propostas do governo federal, mas policiais e funcionários do Incra decidiram manter a greve.

    28.08.2012 18:08
    Não aguento mais essa novela, mas creio que essa semana acaba, só quero saber o índice para os militares para nos planejarmos para mais 3 anos de penúria!

    Leia mais ...

     
  • Militares aguardam anúncio de reajuste.

    27.08.2012 20:32
    Espero que dessa vez saia, tantos alarmes falsos...

    Leia mais ...

Militares aguardam anúncio de reajuste.

 

Governo deve apresentar proposta de reajuste dos militares até sexta-feira (31/08). O Palácio do Planalto está fechando com o ministro da Defesa, Celso Amorim, os últimos detalhes da proposta de reajuste dos militares a partir de 2013.

    Nas últimas semanas as relações entre os militares e a presidência tem melhorado, com o anúncio de que as forças armadas podem passar a gerenciar a segurançade grandes eventos os militares estão otimistas e aguardam ansiosos alguma boa notícia relacionada aos seus soldos.

 

    Os percentuais são guardados a sete chaves. O governo pretende divulgá-los somente no próximo dia 31, quando enviará a proposta do Orçamento de 2013 ao Congresso, para evitar grita dos civis em greve, pois o aumento dos militares deverá ser mais vantajoso que os 15,8% oferecidos aos demais servidores — de 5% em 2013, 2014 e 2015. Também está sendo definido se o reajuste incidirá sobre o soldo ou sobre os adicionais.    

 

    Dentro do Executivo, ao lado de algumas carreiras, como os técnicos de nível superior, os militares são os que estão com seus vencimentos mais defasados, embora tenham tido reajuste em 2008, 2009 e 2010, como os civis. Mas esses últimos embolsaram aumentos mais generosos. As negociações entre os ministérios da Defesa e do Planejamento se arrastam desde o início do ano. Ainda em meados de 2011, os comandos das três Forças — Exército, Aeronáutica e Marinha — fizeram um estudo descrevendo a situação remuneratória da caserna e a distorção em relação a outras carreiras do Executivo.

 

Comentários   

 
-1 #2 Renato Rodrigues 29-08-2012 18:59
Se for 45% de uma só vez , tudo bem,se for em 3 anos ficaremos na mesma miséria,a inflação é a maldição. :lol:
Citar
 
 
+1 #1 Trevis 27-08-2012 20:32
Espero que dessa vez saia, tantos alarmes falsos...
Citar
 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Contribute!
Books!
Shop!
eXTReMe Tracker